Webinar debate a digitalização na floresta plantada (assista)

O diretor executivo da ABAF (Associação Baiana de Empresas de Base Florestal), Wilson Andrade, participou do webinar “Revolução Digital na Floresta Plantada” realizado pela Embaixada da Finlândia, Business Finlândia e Finncham (Câmara de Comércio Brasil-Finlândia), no último dia 17 de junho. Empresas de tecnologia e de base florestal do Brasil e da Finlândia apresentaram soluções para a conexão do campo e como os dados podem ser utilizados para maior eficiência operacional, sustentabilidade e confiabilidade.

Com seis palestras o evento online contou com a presença de mais de 200 pessoas ao vivo e já está disponível na íntegra no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=yf6svuzyI1I.

Segundo o embaixador da Finlândia, Jouko Leinonen, Brasil e Finlândia possuem um histórico sólido de cooperação, sobretudo nas áreas de tecnologia e florestal. “O Brasil possui as florestas mais competitivas do mundo e a Finlândia possui tradição na produção de árvores, sendo o berço de muitas inovações, tecnologias e soluções para o setor. Desde as primeiras máquinas de papel instaladas na década de 1960, até hoje, os dois países mantêm uma relação transferência de conhecimento e tecnologia de ponta”, complementou.

Para o embaixador José Carlos Fonseca Jr., diretor executivo da Ibá (Indústria Brasileira de Árvores), Os investimentos estimados em R$ 35 bilhões para os próximos anos, na indústria de base florestal brasileira evidenciam o papel de liderança que o nosso país assume na produção de bioprodutos, visando crescimento sustentável.

A cooperação entre as empresas de tecnologia e florestal foi o foco do evento. Soluções que hoje passam desde a conectividade do campo, com a expansão e instalação de redes 4G, salientada na palestra da Nokia e Associação ConectarAgro, que apontam para a floresta de precisão e as oportunidades de crescimento do setor no Brasil destacada na fala da empresa de produtos à base de celulose Stora Enso.

A fabricante finlandesa de máquinas de colheita florestal, Ponsse, destacou as soluções digitais que surgem com o desenvolvimento da tecnologia e a Colective Crunch mostrou o uso de inteligência artificial para geração de dados e mapas confiáveis e detalhados.  Por fim, a Business Finland, agência de fomento finlandesa destacou os incentivos para as empresas desenvolverem suas tecnologias no Brasil.

No encerramento do evento, o diretor executivo da ABAF destacou que a competitividade brasileira na produção de bioprodutos é destaque e a demanda por florestas plantadas irá atrair ainda mais tecnologia para o campo.